Ciranda da vida

O diretor disse à secretária:
-Vamos viajar para o exterior por uma semana, organize os preparativos  para a viagem!
A secretária faz uma chamada para o marido:
-Vou viajar para o exterior com o meu diretor por uma semana. Cuida-te.
O marido liga para a amante:
– Minha mulher vai estar fora por uma semana. Arruma-te! Vamos viajar, meu  docinho!
A amante liga para um menino, a quem dá aulas de gramática:
-Tenho muito trabalho próxima semana, não precisas vir às aulas.
O menino liga para o seu avô:
-Vô, na próxima semana não tenho aulas. Vamos juntos passar alguns dias no  campo?
O avô (que é o diretor) liga para a secretária:
-Vou passar a próxima semana com o meu neto. Cancele a viagem…
A secretária liga para o marido:
– A próxima semana o meu diretor tem muito trabalho, cancelamos a viagem.
O marido liga para a amante:
– Não poderemos passar a próxima semana juntos; a viagem da minha mulher  foi cancelada.
A amante liga para o menino das aulas de gramática:
– Esta semana vamos ter aulas normalmente. Estarei te esperando no mesmo  horário.
O menino liga para o avô:
– Vô, a minha professora disse que esta semana tenho aulas. Desculpe-me,  não vai dar para viajar.
O avô liga para a sua secretária:
– Confirme a viagem para a próxima semana. Continue com os preparativos

Coisas de casal

Amor  I
– Querida, vamos ter que começar a economizar.
– Tudo bem…. Mas como?
– Aprenda a cozinhar e mande a empregada embora.
– Tá legal… Então aprenda a fazer amor e pode dispensar o motorista.

Amor  II
O cara pergunta para a mulher: – Querida, quando eu morrer, você vai chorar muito?
– Claro querido. Você sabe que eu choro por qualquer besteira…

Amor  III
Continue lendo

Mais uma de argentino ;o)

Um brasileiro entra na delegacia de polícia em plena Caxias do Sul e dirige-se ao delegado:
– Vim entregar-me, cometi um crime e desde então não consigo viver em paz.
– Meu senhor, as leis aqui são muito severas e são cumpridas e se o senhor é mesmo culpado não haverá apelação nem dor de consciência que o livre da cadeia.
– Atropelei um argentino na estrada ao sul de Caxias.
– Ora meu amigo, como o senhor pode se culpar se estes argentinos atravessam as ruas e as estradas a todo o momento.
– Mas ele estava no acostamento.
– Se estava no acostamento é porque queria atravessar, se não fosse o senhor seria outro qualquer.
– Mas não tive nem a hombridade de avisar a família daquele homem, sou um crápula!
– Meu amigo, se o senhor tivesse avisado haveria manifestação, repúdio popular, passeata, repressão, pancadaria e morreria muito mais gente, acho o senhor um pacifista, merece uma estátua.
– Eu enterrei o pobre homem ali mesmo, na beira da estrada.
– O senhor é um grande humanista, enterrar um argentino, é um benfeitor, outro qualquer o abandonaria ali mesmo para ser comido por urubús e outros animais, provavelmente até hienas.
– Mas enquanto eu o enterrava, ele gritava : Estoy vivo, estoy vivo!!!
– Tudo mentira, esses argentinos mentem muito…..

Clipes eróticos

E não é que o povo anda abusado?

clipes-eroticos.jpg

 

Dica do amigo Jotasse